Livros

Resenha: O ar que ele respira

Bom Dia Manas, tudo bem?

Hoje eu trouxe uma resenha MUITO especial pra mim, o ano mal começou e esse sem duvidas é um dos meus livros preferidos do ano, o livro da vez é “O ar que ele respira” da série Elements, espero que gostem da resenha ❤

Sinopse:

Como superar a dor de uma perda irreparável? Elizabeth está tentando seguir em frente. Depois da morte do marido e de ter passado um ano na casa da mãe, ela decide voltar a seu antigo lar e enfrentar as lembranças de seu casamento feliz com Steven. Porém, ao retornar à pequena Meadows Creek, ela se depara com um novo vizinho, Tristan Cole. Grosseiro, solitário, o olhar sempre agressivo e triste, ele parece fugir do passado. Mas Elizabeth logo descobre que, por trás do ser intratável, há um homem devastado pela morte das pessoas que mais amava. Elizabeth tenta se aproximar dele, mas Tristan tenta de todas as formas impedir que ela entre em sua vida. Em seu coração despedaçado parece não haver espaço para um novo começo. Ou talvez sim.

WhatsApp Image 2018-01-23 at 22.24.34

Minha Opinião:

Logo no começo do livro Tristan já perde sua mulher e seu filho em um momento muito mágico na vida dele, o momento em que ele esta realizando seu sonho, o sonho de abrir sua própria empresa (isso não é spoiler) E ele tem uma reação péssima, ele se fecha pro mundo e começa a culpar todo mundo pelo ocorrido com sua família. Já a Elizabeth também perdeu o marido, mas ela já reage de uma maneira muito melhor, por mais que ela sofra ela tem sua filhinha do lado, o que acaba dando motivos para que ela consiga ficar de pé.

E logo no começo Elizabeth estava passando uma temporada com a mãe dela, então ela decide voltar para sua cidade, e quando ela volta para sua casa, ela descobre que Tristian é seu vizinho, quando Elizabeth tenta saber mais de seu vizinho ela simplesmente escuta todo mundo falando Mal do Tristian. Mas Elizabeth sempre consegue ver o melhor nas pessoas, então por mais que Tristian não de espaço, Elizabeth vai chegando aos poucos e acabam sendo amigos.

Confesso que quando peguei o livro eu criei uma expectativa gigante desse livro e todas foram superadas, o livro me tocou de tal forma que já no primeiro capitulo eu fiquei bem abalada, eu chorei em muitas partes do livro, enquanto a gente le, a gente começa a ficar apegado a cada personagem, e sente as dores, isso fez com que eu quisesse ler e devorasse o livro, eu li o livro em um dia e chorei tanto.

O livro nos faz ver que é possível superar o luto por mais difícil que seja, e nos da motivo para querer continuar, é impossível você ler e não se emocionar<3

AVALIAÇÃO FINAL:

downloaddownloaddownloaddownloaddownload

GRUPO NO WHATS

QUOTES

“Nenhuma alma gêmea deixa esse mundo sozinha. Ela sempre leva consigo um pedaço de sua outra metade”

“Você é autossuficiente, você é perfeito, mesmo com todos os seus problemas”

“Às vezes, a vida é estranha, Você só precisa aprender a lidar com a esquisitice dela e encontrar algumas pessoas igualmente estranhas que vão te ajudar a seguir em frente”

“A mágia é viver todos os dias e se permitir respirar e ser feliz.”

“A magia está nos pequenos momentos. Nos pequenos gestos, nos sorrisos gentis e nas risadas silenciosas. A magia é viver todos os dias e se permitir respirar e ser feliz. Meu querido a magia é amar”

12 comentários em “Resenha: O ar que ele respira”

  1. Oi linda.
    Tudo bem?
    Sua resenha foi sucinta e objetiva.
    Livros assim são poucos de ver em relação para enfrentar o luto.
    Um beijo

    Curtir

  2. Oi Bia, tudo bem?

    Ganhei esse livro ano passado e desde então estou com muita vontade de ler, mas vico postergando essa leitura, nem sei explicar os motivos para tal postergação. O livro parece ser excelente, daqueles que simplesmente lemos sem nos dar conta. Fiquei com muita vontade de ler, principalmente por já começar com algo “trágico”. Espero gostar tanto quanto você!

    Beijos!

    Curtir

    1. Com certeza você vai AMAR, impossível não gostar dele sabe? E aquele tipo de livro que a gente lê tão rápido, mas que marca muito a gente sabe? Vai por mim, maravilhoso…

      Curtir

  3. Oi, Tudo bom?
    Muita gente fala dessa série, eu particularmente acho as capas lindas e tenho muito curiosidade para saber como é o enredo, mas sempre fico com o pé atrás.
    Beijos, Joyce de Freitas.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s